Vasco quer fazer bonito na estreia da Copa Sul-Americana – Diário Online



O Vasco atravessa seu pior momento na temporada. Além dos resultados ruins em campo, o time cruzmaltino ainda encara os problemas políticos que surgem com a proximidade das eleições presidenciais no clube. Mas nem tudo são espinhos. Em meio ao caos, Leonardo Gil foi uma grata surpresa para os torcedores.

Contratado por empréstimo junto ao Al-ittihad, da Arábia Saudita, o meio-campista já fez sua estreia na derrota para o Corinthians na última quarta-feira (21). Ele entrou aos oito minutos do segundo tempo na vaga de Andrey e causou boa impressão. Deu nova dinâmica ao time, que melhorou em campo e se tornou mais perigoso.

Agora, ele deverá ganhar chance como titular contra o Caracas (VEN) nesta quarta (28), às 21h30, em São Januário, em duelo de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana. Na etapa anterior da competição, disputada em fevereiro, o time carioca eliminou o Oriente Petrolero (BOL).

Contra o Corinthians, a nova aposta vascaína colocou os atacantes de sua equipe em boa situação com passes verticais nas costas dos laterais adversários. O time, que antes rodava a bola com pouca objetividade, passou a ser mais incisivo após a entrada do camisa 7.

Dados do Sofascore ratificam a melhora do Vasco após a entrada do argentino. Gil tocou 42 vezes na bola, completando 26 dos 31 passes curtos (84%) que tentou e três dos seis lançamentos que arriscou. Como base de comparação, Marcos Júnior atuou quase o dobro do tempo -70 minutos-, e tocou na bola somente 49 vezes, concluindo 32 dos 41 passes (78%) que buscou.

Sua participação não foi boa apenas ofensivamente. Gil também ajudou na defesa ao ganhar todos os duelos que disputou no chão (3) e no alto (1), além de ter conseguido um desarme e uma interceptação na partida.

No Vasco, Leonardo Gil ainda revê um amigo de longa data: Martín Benítez, seu companheiro dos tempos de seleção argentina na base. “Conheço o Martín há bastante tempo, estivemos juntos nas categorias de base da seleção argentina. Nos enfrentamos muitas vezes quando ele jogava no Independiente. Tenho uma boa relação com ele”, disse à Vasco TV.

Junto do colega de meio-campo, Gil tentará, além da classificação às oitavas da Sul-Americana, fazer o Vasco voltar a vencer. No Brasileiro, a outra competição que ainda disputa, o time não ganha há nove rodadas -são sete empates e duas derrotas. O péssimo momento rendeu a queda de Ramon Menezes e a contratação do português Sá Pinto, que também fez sua estreia contra o Corinthians.

VASCO

Fernando Miguel; Cayo Tenório, Miranda (Ricardo), Castan e Henrique (Neto); Marcos Junior (Andrey), Léo Gil, Carlinhos e Benítez (Vinícius); Talles e Ribamar. T.: Sá Pinto

CARACAS

Velásquez ; Fereira, Rivero, Diego Osio e Notaroberto; Andreutti, Contreras, Leonardo Flores e Richard Celis; Robert Hernández e Alexis Blanco. T.: Noel Sanvicente

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Horário: 21h30 (de Brasília) desta quarta-feira (28)

Árbitro: Michael Espinoza (PER)

Transmissão: Conmebol TV





Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*