Suspeito de tentar matar jornalista morre em confronto | Notícias Pará | Diário Online



Um atentado a um jornalista, no início deste mês, causou revolta nos moradores da cidade de Moju, no nordeste paraense. Jackson Silva, de 28 anos, que é um dos fundadores do Moju News, um portal de notícias da região, estava chegando em sua residência, quando foi atingido por seis disparos de arma de fogo. 

Antes da tentativa de homicídio, o jornalista havia recebido ameaças por conta das denúncias publicadas no portal. Jackson segue internado no Hospital Metropolitano, em Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém. 

Na manhã detsa quinta-feira (22), o principal suspeito de atirar contra o jornalista foi morto durante um confronto com a Polícia Militar. As investigações da polícia apontam que Fábio Junior seria o autor dos tiros que atingiram Jackson.





Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*