Policia penal é vítima de atentado na Grande Belém | Polícia | Diário Online



Quatro presos considerados de alta periculosidade e envolvidos em crimes contra policiais penais foram transferidos para presídios federais. A ação foi realizada pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), totalizando 73 custodiados transferidos para o regime federal em dois anos e meio de gestão. 

O esforço das forças de segurança pública é para cessar a onda de ataques contra policiais penais na Grande Belém. 

Policial penal é executado em Ananindeua

Policial penal sofre atentado a tiros em Belém

Ainda assim, na manhã desta quinta-feira (22), outro policial penal foi atacado. Dessa vez, o caso aconteceu no bairro Almir Gabriel, no município de Marituba, na Região Metropolitana de Belém, no momento em que ele saía de sua residência. 

As primeiras informações apontam que cinco homens aguardavam do lado de fora da casa e efetuaram sete disparos. Dois disparos atingiram o braço do agente e, outros dois, o colete. 

Ele foi levado para a Unidade de pronto Atendimento e, em seguida, para o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua. 

Agentes das polícias Civil e Militar fazem buscas para localizar os autores do crime.

Quem tiver qualquer informação que possa ajudar na identificação e localização dos autores dos crimes pode repassar às autoridades via Disque-Denúncia (181). Não é preciso se identificar.

O DOL entrou em contato com a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) e aguarda retorno. 





Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*