Mulher se joga de 12 metros de altura para fugir de flagrante da polícia, no PA | Pará


Uma mulher se jogou de uma altura de 12 metros para tentar fugir de um flagrante da Polícia Civil, durante ação de combate ao tráfico de drogas em Parauapebas, sudeste do Pará. Segundo informações divulgadas nesta quarta-feira (21), a mulher foi encaminhada para o Hospital Municipal e será apresentada na delegacia após se recuperar.

O caso ocorreu na segunda-feira (19). Um homem que corrida na rua foi abordado pela polícia, no bairro Alto Bonito. Com ele os militares encontraram uma porção de maconha. Ao ser indagado, o suspeito contou que o restante das drogas estava no apartamento dele.

Os policiais ouviram gritos e um barulho forte vindo do local, quando verificaram que a esposa do suspeito tinha caído no chão ao se jogar do apartamento, que fica no terceiro andar do residencial. A mulher se jogou de uma altura de 12 metros para tentar fugir com as drogas.

A equipe acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para prestar atendimento à suspeita, que foi para o Hospital Municipal e será apresentada na Delegacia após se recuperar. O homem foi conduzido juntamente com as drogas para a Delegacia de Polícia Civil de Parauapebas.

Drogas apreendidas durante rondas da PC em Parauapebas — Foto: AscomPC

No mesmo dia, os policiais abordaram um o condutor que estava parado no carro, no bairro Caetanópolis. Com ele, foi apreendida uma porção de maconha. O suspeito alegou que era usuário, mas os policiais descobriram que ele estava marcando pelo celular a entrega de mais drogas para uma outra pessoa. Ao ser questionado, o suspeito confessou para os policiais que havia mais drogas escondidas na sua casa, que ficava em frente ao local onde estacionou o veículo.

Os policiais foram até o imóvel e encontraram, escondidos em um guarda roupa, quatro tabletes de maconha equivalentes a mais de 4kg da droga, sacolas plásticas, moedor e duas balanças de precisão. Na casa ao lado, os militares apreenderam mais 200 gramas do entorpecente que estavam sendo preparadas para a venda.

Segundo a polícia, o casal que morava no local agia em parceria com outro suspeito, e também foi preso, sendo os três apresentados juntamente com a droga apreendida na Delegacia de Polícia Civil do município para a realização dos procedimentos cabíveis.



Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*