Homem se passa por mulher no Tinder e tenta matar jovem | Notícias Brasil | Diário Online



Se na vida real já está difícil confiar em alguém, no mundo virtual o que não faltam são armadilhas, muitas delas mortais.

Um homem é suspeito de tentar matar outro jovem depois de atrai-lo por meio de um aplicativo de encontros. Para isso, ele se passou por uma mulher durante meses.

O caso aconteceu em Belo Horizonte (MG). A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira (2) Matheus de Souza Ornelas, de 25 anos, que também teria ameaçado familiares da vítima.

O jovem de 22 anos, vítima do ataque, sofreu diversas queimaduras no corpo e está internado em estado grave. O suspeito teria jogado óleo quente no homem, de forma premeditada, no dia 30 de outubro deste ano.

A investigação aponta que Matheus criou um perfil falso no aplicativo de encontros, usando a foto de uma mulher. O objetivo era chamar a atenção de homens para um possível relacionamento homossexual.

O jovem de 22 anos, então, passou a se relacionar online com o suspeito sem desconfiar da dissimulação. Os dois trocaram contato durante aproximadamente três meses e marcaram um encontro.

Quando se encontraram, Matheus cometeu o crime ao receber uma negativa para suas investidas sexuais.





Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*