Homem força cavalo a puxar carroça pesada em Castanhal | Notícias Pará | Diário Online



Maus-tratos a animais é crime estabelecido por lei que pode gerar multa e até prisão. Mas parece que pouca gente tem entendido o problema e continua repetindo esse tipo de ação que põe em risco a vida e o bem estar desses seres.

Uma cena lamentável de maus tratos a um animal foi registrada na tarde de segunda-feira (3) no centro de Castanhal, no nordeste paraense. 

Uma moradora, que não teve a identidade revelada, filmou cenas onde um homem força um cavalo a puxar uma carga de madeira que de longe percebesse estar acima da capacidade e força do equino.

O fato deixou várias pessoas revoltadas, mas também trouxe a tona a falta de fiscalização do departamento municipal de zoonoses na cidade.

As imagens ainda mostram o homem tentando fazer o animal puxar a carga, e mesmo com ele retirando boa parte da madeira da carroça, para diminuir o peso, o animal não consegue sair do lugar. 

Nas cenas, o cavalo parece debilitado e magro. Mas não há informação sobre o estado de saúde do animal.

Veja também:

Brasil tem pior análise ambiental, social e anticorrupção

23 mortes: viaduto desaba com vagões de metrô no México

DENÚNCIA PARLAMENTAR

O vereador Rosimar Possidônio, fez uma denúncia na Câmara dos vereadores sobre o caso e o que ele chama de “inoperância e abandono” do serviço de zoonose do município. Segundo ele “só de expor o animal a um peso daqueles, já é uma agressão”.

O DOL entrou em contato com o Centro de Zoonoses de Castanhal para saber detalhes, e foi informado pelo veterinário Gabriel Titan que, “o órgão só cuida de animais com suspeita de doença zoonótica”.

Dessa forma, nos foi passado o contato de uma segunda veterinária da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) de Castanhal, para saber mais sobre esse caso, mas até o momento, não tivemos respostas. 

SEM TRAÇÃO ANIMAL

É importante ressaltar que, a Câmara Municipal de Belém (CMB), aprovou no início de dezembro de 2018, o projeto de lei que proíbe uso de veículos de tração animal. O projeto impede o transporte de cargas e a exploração do trabalho de animais, além de eventos ou qualquer atividade que causem prejuízo à saúde ou em maus tratos. A medida foi sancionada pela prefeitura no dia 18 de dezembro, e faz valer a redução gradativa do uso de veículos de tração animal.

Denuncie!

No Pará, denúncias de maus-tratos contra animais podem ser feitas à Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal – Pará (Demapa) , através do telefone 3238-1225 em horário comercial ou pelo número 181, que funciona 24h. 





Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*