Caminhoneiro debocha da família que morreu em acidente | Notícias Pará | Diário Online



O trágico acidente na BR-316, que deixou cinco pessoas mortas da mesma família, comoveu pessoas de várias partes do Pará, que
lamentaram o ocorrido. Porém, conversas nas redes sociais mostram quem nem
todas as pessoas se sensibilizaram com a situação. Imagens de uma câmera de segurança mostraram o veículo da família sendo amassado pela carreta que sem atrás e não freia. 

Um perfil no Facebook, com o nome Jandsom Brito, fez comentários
bárbaros sobre acidente. Nos comentários de uma postagem, ele diz: “ta cm pena
da família banca o velório então abastados (SIC)”, “e nós que manda
nas brs”, “Esses pé de Blake se metem na frente das carretas e ficam
freando” e “nos passa e por cima mesmo”. Os prints das conversas
estão circulando nas redes sociais. 

Internautas entraram no perfil da
esposa de Jandsom Brito, que o DOL optou por preservar o nome, e não pouparam
criticaras. “Não sei como uma mulher dessa fica com um
lixo desse tu vai paga com suas palavras poder ter certeza seu barrigudo feioso
(SIC)”, “Casou e muito mal por sinal, coitada!”, “Uma coitada dessa, não
sabe nem o lixo com quem ela tá”, “Vc não tem vergonha
de um tipo de verme que vc casou. Teu marido é um LIXO”, entre outros. Até o
início da noite desta terça-feira (20), a página seguia aberta para comentários
de qualquer pessoa.

Os corpos das vítimas do acidente foram liberados do Instituto Médico Legal (IML), nesta terça-feira (20) e levados para o velório no município de Bragança, no nordeste paraense. Morreram no acidente o condutor Márcio Sidney dos Reis Freitas, de 45 anos; a esposa dele, Dina Charlene Ramos de Souza, de 39 anos; as filhas Kethenen wenil de Sousa Reis, de 17 anos, Maria Fernanda Ramos Freitas, 2 anos, e Helena Ramos Freitas, de um 1 ano. 





Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*