Suspeito de matar ex-jogador do Paysandu a tiros é preso em Belém | Pará


Um homem suspeito de matar a tiros o ex-jogador do Paysandu Bruninho, foi preso nesta quinta-feira (25) em Belém. Ele tinha mandado de prisão temporária em aberto e se apresentou na Delegacia de Homicídios.

Bruno Leonardo Silva tinha 23 anos e chegou a ser socorrido e levado para um pronto atendimento após ser baleado no bairro Curió-Utinga, na capital paraense em 21 de outubro, mas não resistiu.

Segundo a polícia,o preso “passou por procedimentos cabíveis e posteriormente ficou à disposição da Justiça”. Questionada pelo g1, a polícia não revelou a identidade do investigado, o que ele alegou e outros detalhes da investigação, que segue em andamento.

No dia do crime, testemunhas informaram que os tiros partiram de uma moto e desde então, a polícia investiga o caso. A polícia também não respondeu se há suspeita de mais envolvidos na morte.

Bruninho estava sem clube quando foi morto. Ele foi da categoria de base do Paysandu e chegou a atuar no time em 2017 – relembre no vídeo abaixo.

Corpo de ex-jogador do Paysandu que foi assassinado é enterrado nesta sexta, 22

VÍDEOS com às principais notícias do Pará

Veja outras notícias do estado no g1 Pará



Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*