Simulação é feita pela polícia sobre atentado a candidato a prefeito de Parauapebas


Foto: Leandro Santana

Uma simulação foi realizada pelo Centro de Perícias Científicas Renato Chaves no local onde ocorreu o atentado a tiros contra Júlio Cesar (PRTB), candidato a prefeito de Parauabepas.

O simulado foi na estrada da Vila Carimã, zona rural do município. A Polícia Civil disse que continua investigando o caso.

Três homens encapuzados chegaram em outro veículo e atiraram ao menos cinco vezes contra a caminhonete do candidato, segundo testemunhas.

Um dos tiros atingiu o político no peito, segundo a Polícia. O candidato deixou o hospital na sexta (16). Ele continuou o tratamento em casa, com acompanhamento médico.

Os posicionamentos das vítimas, de objetos na cena do crime e das testemunhas, foram analisados na simulação.



Fonte da notícia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*