Menina pede chinelo e refrigerante como presente de Natal | Notícias Brasil | Diário Online


De acordo com o IBGE, no segundo trimestre de 2021, o Brasil contabilizou 14,4 milhões de desempregados. Este dado, combinado à alta nos preços dos alimentos, tem revelado cenas cada vez mais tristes da pobreza e da insegurança alimentar no País.

Um desses casos é o de uma adolescente de 14 anos, que escreveu uma carta para um policial militar de Pouso Alegre, no Sul de Minas Gerais, pedindo um refrigerante e um par de chinelos como presente de Natal. O coronel Lucas Pinheiro dos Santos Neto, quem recebeu a carta, decidiu se juntar a outros militares para presentear a garota e a família dela na última quarta-feira (11).

Proclamação da República: veja o que abre e fecha no feriado

Segundo o relato da garota, feito na carta, a mãe dela está desempregada. O bilhete foi deixado na caixa de correspondência do coronel Lucas Pinheiro, comandante da 17ª Região de Polícia Militar. Ao sair para o trabalho nessa segunda-feira (8), o policial encontrou a carta.

 

Carta foi deixada na caixa posta de um coronel da PM de Minas | Divulgação PMMG

 

“Venho nesta carta pedir ajuda para o meu Natal, moro com a minha mãe, ela está desempregada. Eu gostaria de um guaraná e um chinelo”, escreveu a adolescente.

Policiais foram até a casa da garota entregar presentes

Comovido, o coronel decidiu ir até a residência da garota, no bairro Monte Azul, juntamente com outros policiais, para entregar os presentes pedidos. Além disso, eles levaram materiais escolares e uma cesta de Natal para a família.

De acordo com Lucas Pinheiro, o sorriso estampado no rosto da menina e o olhar de felicidade e gratidão ao receber os presentes contagiaram a equipe. “Não podemos mudar a realidade de todos, mas podemos proporcionar gotas de felicidade ao mundo de quem nos pede atenção”, disse.





Fonte da notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pular para a barra de ferramentas